Inteligência emocional

6 dicas de como ter inteligência emocional para vencer qualquer desafio

15 min de leitura
Junte-se a milhares de Loopers

Em menos de um minuto, você pode entrar para a nossa lista prioritária e receber conteúdos exclusivos.

É como uma blindagem vinda de dentro para fora.

A inteligência emocional é desenvolvida constantemente, durante toda a sua vida.

Engana-se quem pensa que é um processo rápido e fácil.

A inteligência emocional promove a você uma condição de vida que envolve a boa convivência com o próximo e consigo mesmo, através do controle das suas emoções.

Alguém que consegue desenvolver a inteligência emocional, possui mais assertividade na hora de se comunicar e tomar decisões mais complexas.

Ela é tão eficaz que poderia muito bem ser ensinada em escolas para preparar as crianças e torná-las adultos que se autoconhecem e mantêm uma mente a prova de controles externos.

Durante uma parte da minha jornada, eu não tinha controle algum sobre as minhas emoções, não sabia lidar e agia com impulsividade quase sempre, piorando qualquer situação ruim em que estivesse exposto.

Era como se as minhas emoções estivessem sempre à flor da pele, querendo sair da forma mais brusca possível.

Eu não sabia lidar com pessoas ou pontos de vista diferentes.

Era quase um martírio não conseguir controlar minha própria mente e isso resultava em comportamentos que não condiziam com a minha essência.

A inteligência emocional foi uma parte fundamental na minha vida, ainda preciso desenvolvê-la diariamente, mas as coisas começaram a mudar logo que tomei a decisão de melhorar e deixar aflorar a melhor versão de mim.

Infográfico - 6 dicas para ter inteligência emocional e vencer qualquer desafio

E foi dessa forma, que eu entendi que a verdadeira inteligência não está em decorar textos, ser o melhor aluno da sala ou demostrar um alto quociente de inteligência (QI).

Mas sim, em desenvolver um autocontrole de emoções, conhecendo os seus limites e trabalhando com eles.

Desenvolver o autocontrole é parte essencial da inteligência emocional.

Algo que eu acredito ser importante citar, é a forma em como eu lidava com conflitos, antes de ter inteligência emocional.

Nós temos dois lados que agem de forma distinta no nosso cérebro: O lado racional e o lado emocional.

Quando eu precisava lidar com uma situação conflituosa, o filtro da racionalidade parecia estar quebrado e as atitudes apareciam de forma impulsiva porque vinham direto das minhas emoções, nada favoráveis.

Você já parou para pensar em como a sua mente lida com as situações difíceis?

Provavelmente não, mas o que você precisa saber, é que o lado emocional é mais rápido do que o lado racional na maioria das vezes.

Vamos entender um pouco sobre cada um dos lados:

Como os lados do cérebro influenciam na inteligência emocional

  • O lado esquerdo do cérebro ou racional, controla tudo que envolve lógica, análise e o físico.
  • O lado direito do cérebro ou emocional, é mais criativo e intuitivo.

É por isso, que muitas vezes nós definimos estilos para as pessoas que nos rodeiam, como por exemplo: ele é muito analítico ou ele é muito criativo.

Isso acontece porque algumas pessoas usam mais um lado do cérebro e suas ações são desenvolvidas através da forma em que esse lado as controlam.

Certo, mas de que forma isso se relaciona com a inteligência emocional?

Em todas, meu amigo.

A partir do momento que você desenvolve a inteligência emocional, o filtro racional do seu cérebro que antes parecia quebrado, volta a funcionar, e ao invés de você agir com impulsividade em momentos de pressão, começa a ter atitudes emocionais mais inteligentes que contribuirão, inclusive, em seu trabalho.

É verdade que o ser humano é movido pelo seu interior, ou seja, emoções e sentimentos, mas o lado racional do cérebro precisa contribuir em sua jornada, se você quiser decisões mais assertivas e lidar melhor com os obstáculos.

A inteligência emocional no trabalho é fundamental para o bom andamento dos projetos e se destacar aumentando os seus resultados.

É com ela que você aprende a lidar melhor com as pessoas ao seu redor e as demandas de trabalho, sem ceder à pressão do dia a dia e colocar tudo a perder.

O foco é que você consiga identificar as suas emoções e aprender a usá-las em benefício próprio, sem prejudicar sua jornada.

Além disso, usar as emoções positivas para diminuir as negativas e sair do ciclo de atitudes sem resultados, obtendo ações construtivas para a sua trajetória.

Na busca pelos seus objetivos, é imprescindível o esforço, a determinação e a constância, mas o que muitos não sabem é que a conquista dos seus sonhos também depende da sua mente, e desenvolver a inteligência emocional para lidar com mais facilidade e vencer os obstáculos é essencial.

Segundo o livro: Inteligência Emocional: a teoria que redefine o que é ser inteligente, lançado pelo psicólogo e jornalista cientifico Daniel Goleman, existem cinco pilares para serem desenvolvidos se você quiser uma inteligência emocional eficaz.

Os pilares para uma inteligência emocional eficaz

Vamos conhecê-los:

● Identificar as suas emoções: É o ponto crucial para alcançar a inteligência emocional. Através do autoconhecimento, você precisa entender as suas emoções e encontrar as raízes de cada uma.

Dessa forma, você compreende quais os estímulos você reage e como lidar com eles.

● Autocontrole de emoções: Após entender as suas emoções, é preciso trabalhar com elas.

Para lidar melhor com situações conflitantes, você deve analisar e administrar a forma como você reage, pode ser usado um mindset de crescimento para controlar suas emoções e focar em tranquilidade, assim você consegue se manter calmo para pensar em soluções.

● Motivar a si mesmo: O conceito de motivação é saber os motivos que levam você a tomar uma determinada ação e esse é um dos pilares essenciais da inteligência emocional, pois é a partir dela que você atinge qualquer objetivo em sua jornada.

Recomendo definir metas claras e objetivas, sempre relembrando a onde você deseja chegar para não perder a força de vontade.

● Se colocar no lugar do outro: Quando se tem empatia, você consegue enxergar com a perspectiva do outro, tendo cuidado com a forma em que você vai impactar a vida das pessoas.

É uma habilidade emocional que permite que você se relacione com os outros sem julgamentos, com a mente aberta para novos aprendizados.

● Habilidades sociais com positividade: A partir da junção dos outros quatro pilares, você se torna apto a se relacionar de forma construtiva. Guiando as emoções das pessoas ao seu redor para criar ambientes leves e tranquilos, fazendo com que você tenha boas relações sociais que agregam no alcance dos seus objetivos.

As vantagens de ter uma inteligência emocional vão muito além das áreas pessoal e profissional, é um benefício que você deve levar para a vida.

Vantagens de se ter inteligência emocional

No mercado de trabalho, a concorrência é acirrada, mas se destacam aqueles profissionais que são capazes de lidar com diversas situações, trabalhando para buscar o aperfeiçoamento das suas habilidades, tendo sempre a consciência dos seus limites.

A inteligência emocional no trabalho pode ser desenvolvida quando você entende a diversidade de pessoas que existem ao seu redor.

Suas culturas e interesses influenciam diretamente na forma como elas se comunicam e você precisa se adaptar, desenvolvendo um olhar compreensivo para saber lidar da melhor forma possível.

Além disso, ser inteligente emocionalmente faz com que você pare de se cobrar em excesso, pois através do autoconhecimento, você tem consciência de que precisa evoluir sem pressa, gradativamente, e assim deixa de se sentir pressionado a seguir na mesma velocidade que as outras pessoas.

A verdade é que o autoconhecimento não se trata apenas de conhecer os seus pontos fortes e fracos, mas também de identificar suas próprias emoções, andando lado a lado com a inteligência emocional.

É na fase de se autoconhecer que você se torna mais vulnerável e aprende com as suas fraquezas.

Através da vulnerabilidade, você passa a se conectar de forma mais profunda consigo mesmo e desenvolve empatia ao começar a enxergar a vida pela perspectiva dos outros.

Um livro que fala de forma muito interessante sobre esse assunto da vulnerabilidade é: A coragem de ser imperfeito da Brené Brown. Super válida a leitura.

É importante ressaltar que uma pessoa inteligente emocionalmente está mais preparada para lidar com desafios sem se desesperar e se desestabilizar.

A capacidade de identificar e guiar as suas emoções é um forte atributo para o sucesso profissional.

Por isso, pessoas com inteligência emocional tendem a se tornar grandes líderes de empresas e corporações.

Ela também promove bem-estar e pode separar você das pessoas pessimistas, pois aqueles que são otimistas se sentem melhores com a companhia de pessoas que vibram a mesma energia.

Meu amigo, você sabe quais problemas a inteligência emocional pode ajudar a solucionar?

Acredito que não, então vamos conferir alguns deles:

A inteligência emocional pode solucionar o excesso de trabalho

  1. Querer agradar a todos;
  2. Se cobrar em excesso;
  3. Pressão por causa da demanda;
  4. Procrastinação;
  5. Falta de produtividade por causa de distrações.

Eu mesmo já passei por momentos em que precisei lidar com várias dificuldades como as citadas acima.

Mas é quando você começa a desenvolver a inteligência emocional que as chances de realização pessoal e profissional aumentam drasticamente.

A parte boa é que todas as capacidades e habilidades que você desenvolve, fazem com que você colha bons frutos.

Portanto, vamos as vantagens da inteligência emocional no trabalho:

A inteligência emocional potencializa seus resultados no trabalho

  1. Melhora a sua relação com os seus colegas de trabalho;
  2. Faz com que você tome decisões mais assertivas;
  3. Aumenta a sua produtividade através de uma melhor gestão de tempo;
  4. Você desenvolve mais autorresponsabilidade e comprometimento com os seus objetivos;
  5. Desenvolve metas e objetivos mais claros e mensuráveis;
  6. Aprende a enxergar a vida pela perspectiva do próximo.

Entende agora, como a inteligência emocional é importante?

O mercado de trabalho está cada vez mais competitivo e muitas empresas estão em busca de profissionais que se destaquem e demonstrem capacidades mentais que farão com que os negócios cresçam cada vez mais.

É verdade que muitos profissionais valorizam o currículo, e isso não está errado, mas esquecer a inteligência emocional não é a prática mais recomendada.

Meu amigo, você sabe o que são soft skills?

Soft skills ajudam profissionais a terem maiores remunerações

Soft skills são habilidades voltadas ao comportamento do profissional.

Estão relacionadas ao lado mental, emocional e social dos profissionais.

Muitas empresas estão correndo atrás, atualmente, de funcionários que possuem soft skills para completar uma equipe de sucesso.

A seguir, você vai entender algumas habilidades de soft skills:

  1. Dedicação ao cliente;
  2. Colaboração com a equipe;
  3. Procurar aperfeiçoar suas habilidades;
  4. Compreender sobre organização;
  5. Comunicação fluída e fácil;
  6. Relacionamentos interpessoais;
  7. Equilíbrio emocional para lidar com a pressão diária;
  8. Ser flexível e se adaptar em diferentes situações.

Percebe como algumas dessas características se encaixam com a inteligência emocional?

Para adquiri-las e aperfeiçoá-las você só precisa se autoconhecer, ser empático e estimular outras pessoas a atingirem seus potenciais máximos, além de ser aberto a receber feedbacks.

A inteligência emocional é um passo fundamental para quem deseja ter uma vida plena e próspera em todas as áreas.

Lembre-se: A força não está em controlar o outro, está em controlar a si mesmo.

Se você chegou até aqui, significa que está na frente de muitos outros que ficaram pelo caminho.

Então, se você deseja aprender na prática como adquirir a inteligência emocional e se destacar dos outros profissionais, vem comigo!

6 dicas práticas de como ter inteligência emocional para vencer qualquer desafio [ A 5° é a minha favorita ]

1. Vista a capa da humildade

Você precisa ser humilde para analisar seus comportamentos

Sim, é preciso.

Você precisa ser humilde para ficar vulnerável e se autoanalisar.

É preciso ir a fundo em suas emoções para descobrir as causas e os estímulos que fazem você ter alguns comportamentos.

Reconhecer o problema sempre será o primeiro passo para uma solução eficaz.

Eu sei, é difícil analisar a si mesmo e identificar alguns padrões que muitas vezes você se recusa a enxergar.

Mas para evoluir é necessário se redescobrir, só assim você vai entender as suas ações e conseguir traçar caminhos para mudá-las.

Se você ainda está lendo, é porque a principal atitude você já tomou: querer mudar e evoluir.

Utilize o autoconhecimento para se beneficiar e ajustar os parafusos que impedem que você prossiga em sua caminhada.

Os seus sonhos estão à espera de alguém capacitado o suficiente para resgatá-los.

Prossiga!

2. Analise suas emoções quando estiver sob pressão

A inteligência emocional vai te ajudar em momentos de pressão mental

O estresse e a sobrecarga podem colocar tudo a perder.

Vamos lá, qual a primeira emoção que você sente quando está sendo pressionado?

Raiva? Esgotamento?

Imagine o poder do autocontrole que você terá se analisar as suas próprias emoções no pico delas.

Isso é inteligência emocional, meu amigo.

Talvez você já saiba disso, mas o seu rendimento cai quando você dá lugar a emoções negativas.

E é por isso que você precisa se autoanalisar, para desenvolver a resiliência.

A resiliência mental permite que você enfrente obstáculos e dificuldades sem se desestabilizar.

Agindo com resiliência em momentos de pressão extrema, você consegue:

  1. Dar o seu melhor para o momento;
  2. Continuar tranquilo para tomar decisões assertivas.

Entende agora?

Não espere mais, comece a evoluir no autoconhecimento.

Você vai saber os caminhos que precisará trilhar, o seu interior tem as respostas.

3. Utilize técnicas para controlar as suas emoções

A inteligência emocional pode melhorar a qualidade de vida no seu trabalho

Você já recebeu inúmeras dicas sobre isso no decorrer desse conteúdo.

Mas eu preciso fortalecer isso em sua mente.

Você já sabe que as emoções influenciam diretamente na forma que os indivíduos agem e a partir das suas atitudes é criado um modelo de vida.

É importante entender que cada prática sua no dia a dia, carrega uma emoção.

E algumas delas podem afetar negativamente a sua qualidade de vida e o seu trabalho.

Logo, após identificar as suas emoções, você pode:

  1. Interromper os pensamentos negativos através de uma perspectiva de vida positiva;
  2. Ampliar a sua visão e aprender a enxergar que o mundo possui inúmeras possibilidades;
  3. Substituir emoções negativas por emoções positivas;
  4. Acreditar que consegue desenvolver a inteligência emocional e ter uma vida melhor.

Viu? Você consegue. Comece a tentar.

A inteligência emocional pode ser conquistada por qualquer um, você só precisa ter foco e ser constante quando desejar algo.

4. Desvie a sua atenção das emoções negativas

Emoções positivas contribuem para uma inteligência emocional forte

Isso acontece muito.

Geralmente, se você tem um problema, ele permanece na sua mente impregnado o dia inteiro.

Quando você dorme e acorda? Ele está lá.

Parece um vírus negativo que colou e não sai mais dos seus pensamentos.

Ok, mas o que eu preciso?

De distração, e das boas.

Foque nos seus hábitos positivos, aperfeiçoe, pratique diariamente.

Desvie a sua atenção de tudo aquilo que pode prejudicar você.

Acredite em mim, uma mente tranquila é um poço de soluções e ele está aberto para qualquer visitante que deseje chegar até ele.

Não alimente problemas, alimente soluções.

5. Seja mais resiliente e empático

Ser mais empático te ajuda a desenvolver melhor a inteligência emocional

Você já tentou ser mais empático com o próximo?

Um dia, navegando pela web, li uma frase muito interessante: Para curar os outros, você precisa antes curar a si mesmo.

E percebi que ela traz uma grande verdade consigo.

Ter empatia com o próximo faz com que você melhore as suas relações interpessoais, requisito muito forte na contratação de profissionais hoje em dia.

Se relacionar é como uma troca, você precisa doar um pouquinho de você e a outra pessoa também.

Antes de ser empático, é preciso mergulhar nas próprias emoções, para apenas depois, conseguir entender as do próximo.

Não tenha medo de ficar desconfortável, lembre-se que a zona de conforto não é o melhor lugar para quem deseja evoluir.

Não esqueça de que a empatia é um dos pilares fundamentais para atingir a inteligência emocional.

Esteja sempre aberto a ouvir o que o outro tem a dizer, pode ter certeza que novos aprendizados virão dessa simples ação.

6. Raciocine mais, reaja menos

Pensar mais e reagir menos são características de pessoas com inteligência emocional

Você já percebeu isso?

Quando acontece algo conosco nosso primeiro instinto é reagir, sem pensar, automaticamente.

É como se quiséssemos implantar a lei da ação e reação na prática.

Mas pessoas com inteligência emocional são assertivas em suas atitudes, elas não agem assim.

Portanto, quando estiver em uma situação complicada, se resguarde para pensar, não reaja de primeira.

Você não precisa de reações impulsivas, precisa de decisões assertivas.

Qual delas você escolhe no momento?

Pense sobre isso!

Conclusão: Você conseguiu se conectar com o seu interior?

A inteligência emocional é um atributo almejado por muitos profissionais

A inteligência emocional é um atributo almejado por muitas pessoas.

Quem nunca se imaginou saindo de um momento de conflitos ileso?

Sem ter esboçado nenhuma reação ou ação negativa?

Essa é apenas uma das várias vantagens de ser inteligente emocionalmente.

Se você chegou aqui, então já entendeu os benefícios da inteligência emocional no trabalho e na vida pessoal.

Sabe também que ela nada tem a ver com o QI, mas sim com a forma de lidar com as suas emoções e os desafios da vida.

Lembre-se: A inteligência emocional não é coisa de momento, ela pode ser desenvolvida e aperfeiçoada durante toda a sua vida.

Entendeu agora as vantagens de ser um profissional com inteligência emocional?

Agora é só acompanhar o Loop de Sucesso no Instagram e no Telegram para receber motivação diária para atingir os seus objetivos.

Compartilhe esse conteúdo com os seus amigos e colegas que precisam entender e desenvolver a inteligência emocional.

Vamos juntos ao topo! 😀

 

Clique aqui para baixar o infográfico valioso em alta resolução.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.